Crowe faz acordo com o homem que atingiu

O ator Russel Crowe chegou a um acordo com um empregado de um hotel de Manhattan que o acusou de tê-lo golpeado com um telefone, segundo um comunicado emitido nesta sexta-feira pelo assessor do ator.Crowe, ganhador de um Oscar, aparentemente golpeou o porteiro Néstor Estrada em junho, quando o ator esteve em Nova Yorkpara promover seu filme mais recente, Cinderella Man."Ambas as partes expressaram sua satisfação com o acordo", assinala o comunicado, que não deu mais detalhes.O ator australiano de 41 anos se desculpou publicamente no programaLate Show with David Letterman pouco depoisdo incidente, ao assinalar que foi "possivelmente a situação mais vergonhosa em que me vi envolvido e fiz muitas bobagens em minha vida".Crowe ficou furioso por conta de um telefone que não funcionava no Hotel Mercer às 4 horas da madrugada, e o jogou contra o funcionário do hotel, golpeando-o no rosto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.