Crítico de cinema Christian Petermann morre aos 49 anos

Crítico de cinema Christian Petermann morre aos 49 anos

Atuou em vários veículos e era colunista do programa da TV Gazeta 'Todo Seu', comandado por Ronnie Von

Luiz Zanin Oricchio, O Estado de S.Paulo

04 de maio de 2016 | 00h54

Christian Petermann havia sido internado uma semana atrás em razão de forte crise de asma. Sofreu parada cárdio-respiratória e entrou em coma, vindo a falecer na UTI do Hospital das Clínicas.

Petermann era jornalista graduado pela Fundação Cásper Líbero e crítico de cinema há 30 anos. Atuou em vários veículos, como a revista SET, da qual foi editor assistente entre 1994 e 1998. Também escreveu no Guia do jornal Folha de São Paulo e colaborava de maneira regular com a revista Rolling Stone. Era colunista do programa da TV Gazeta Todo Seu, comandado por Ronnie Von.

O crítico deixa inúmeros amigos entre seus colegas de profissão. Numa área conhecida pelo espírito competitivo, era uma das exceções à regra. Brincalhão, generoso e boa praça, dava-se com todo mundo. O jeito informal contrastava com o rigor com que exercia sua profissão, a seriedade que empregava no trabalho a que se dedicava.

Sócio fundador da Abraccine, a Associação Brasileira de Críticos de Cinema, deixa como legado um texto inédito sobre O Bandido da Luz Vermelha, de Rogério Sganzerla, que será publicado no livro Os Cem Melhores Filmes Brasileiros, a ser lançado pela entidade em junho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.