Confira os modelos das estrelas, no tapete vermelho de Cannes

Na 'montée des marches', Cate Blanchett, Angelina Jolie, Monica Bellucci e Madonna e Sharon Stone, em dueto

Luiz Carlos Merten, de O Estado de S. Paulo,

08 de maio de 2026 | 17h13

Durante os 11 dias em que abriga o maior festival de cinema do mundo, Cannes vira a vitrine com a qual sonham as grandes marcas - os maiores estilistas e joalheiros - para exibir suas criações. Há uma disputa feroz nos bastidores para vestir os astros e estrelas que vão pisar naquele tapete vermelho, para a chamada ‘montée des marches’ (a subida da grande escadaria) que dá acesso ao palais. Além de ser um território sagrado do cinema, a montée des marches representa um momento que vai além da mundanidade e do glamour. Afinal, a moda é também um grande negócio para os franceses. Veja também:Galeria de fotos das estrelas no tapete vermelho  Cannes este ano inovou porque algumas das mulheres mais belas (e fotografadas) foram a futura mamãe, que exibia orgulhosa sua barriga, Angelina Jolie (grávida de gêmeos), e as mamães recentes Cate Blanchett e Salma Hayek, em plena forma pouco tempo após o parto.  As especialistas da TV francesa destacaram o estilo pessoal da atriz Jeanne Balibar, integrante do júri, como a prova de que uma mulher pode ser elegante usando os outsiders - Christian Lacroix, Maison Martin Margiela ou Maurizio Galante. Os homens bem-vestidos cobriram-se de preto e as robes que mais chamaram a atenção foram o Lanvin de Linda Evangelista, o vestido-bustier de Dolce Gabbana de Eva Herzigova, o Dior creme e preto de Monica Bellucci, o Chanel de Natalie Portman e o Versace de Milla Jovovich, que como garota L’Oréal, a grande marca patrocinadora do evento, teve direito a subir ao palco do Grand Théâtre Lumière para entregar prêmio - e fazer gracinha. ‘Já matei vampiros e todo tipo de vilão, mas nada me intimida mais do que estar aqui, na frente de vocês, que representam a diversidade e a excelência do cinema do mundo." A noite em que, juntas, Madonna e Sharon Stone subiram as escadarias do tapete vermelho foi um arraso. Sharon nasceu para o red carpet. Ela sempre foi um estrondo em Cannes. Na companhia de Madonna, então, fez a alegria das centenas de fotógrafos do mundo todo. As duas estrelas vieram para o evento Cinema Contra Aids, já tradicional no festival, e que este ano arrecadou valor recorde para a causa: 9,6 milhões de euros. Madonna também passou pela mostra para mostrar seu documentário.

Tudo o que sabemos sobre:
Festival de Cannes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.