Comunistas criticam 'caricatura da URSS' em novo Indiana Jones

Ativistas dizem que nova sequência da série mostra 'de forma miserável' a atuação dos soldados soviéticos

Efe,

08 de maio de 2022 | 10h17

Ativistas comunistas de São Petersburgo e da região de Leningrado expressaram nesta quinta-feira, 22, sua indignação com a exibição na Rússia do filme Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal. "O filme descreve de forma caricatural e miserável a atuação dos soldados soviéticos e de nossos agentes de inteligência, liquidados cínica e desumanamente pelo super-herói americano Indiana Jones", diz o comunicado divulgado pelos comunistas.   Veja também: Indiana muda para continuar igual Spielberg vai fazer a cinebiografia de Abraham Lincoln As viagens de Indiana Jones  Trailer de 'Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal'    Os ativistas convocam os espectadores a "vaiar o filme durante sua estréia nos cinemas de São Petersburgo, e enviar cartas de protesto às marionetes do imperialismo", em alusão aos protagonistas do filme, os atores Harrison Ford e Cate Blanchett.   A nota acrescenta que "semelhantes mentiras fomentam nos russos das novas gerações um estado de ânimo decadente, insegurança no poderio de seu país e um sentimento de idolatria pelos Estados Unidos."   "O filme tem como objetivo denegrir os comunistas soviéticos, engendrar uma nova onda de anti-comunismo e criar entre a juventude atual um conceito tergiversado da política externa da URSS durante o século XX", aponta.   Os comunistas lembram a Steven Spielberg, diretor do filme, que "em 1957 (ano no qual transcorre o filme, em plena Guerra Fria), a URSS não enviava terroristas aos Estado Unidos, mas lançou um foguete artificial ao cosmos, o que provocou a admiração de todo o mundo."   "Expressamos nossa perplexidade extrema perante o fato de que se tenha adquirido este filme para sua projeção na Rússia", assinalam os comunistas, que consideram o filme, cujo estréia mundial é realizada nesta quinta, uma "provocação".   "Não aos ataques anti-soviéticos por parte de Hollywood!", conclui o comunicado.

Tudo o que sabemos sobre:
Indiana JonesSteven SpielbergRússia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.