Colin Firth diz que quer ser o novo James Bond

Colin Firth está cansado do papel do mocinho de Bridget Jones, mas não se opõe a estrelar o próximo filme do agente britânico 007. "No momento, não vejo nada em que esteja menos interessado", disse Firth sobre a possibilidade de um terceiro filme da série Bridget Jones. No entanto, o ator de 44 anos disse à revista Entertainment Weekly que ele pensaria seriamente na possibilidade de assumir o papel de James Bond, atualmente interpretado por Pierce Brosnan. Diferente de outro famoso Colin, Colin Farrell, que afirmou não estar interessado no papel apesar de ser o favorito de Brosnan, não houve nenhuma conversa sobre Firth ficar com o papel. "Ninguém entrou em contato comigo, mas eu não seria contra", disse Firth à mais recente edição da EW. Em Bridget Jones: No Limite da Razão, a seqüência do original de 2001, Original, Firth interpreta o advogado Mark Darcy, namorado de Bridget, papel da atriz Renée Zellweger. Firth, cuja filmografia inclui filmes como Simplesmente Amor e Shakespeare Apaixonado disse que não está mais interessado em papéis de Mark Darcy. "Estou atraído a coisas mais fortes", ele disse.

Agencia Estado,

18 de novembro de 2004 | 18h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.