'Cleópatra' leva o prêmio de melhor filme em Brasília

A protagonista do filme de Julio Bressani, Alessandra Negrini, ganhou o prêmio de melhor atriz

Flavia Guerra, do Estadão,

07 de novembro de 2027 | 23h23

O filme Cleópatra, do diretor Julio Bressane, foi o grande vencedor do 40º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro. Recebido com um misto com um misto de aplausos e vaias após a projeção, o longa do veterano diretor levou o troféu Candango de melhor Filme, melhor atriz (Alessandra Negrini), melhor fotografia, direção de arte, trilha sonora e melhor som. O prêmio de melhor direção foi para a cineasta Laís Bodansky, de Chega de Saudade, fita que também foi premiada como melhor roteiro. Eucir de Souza, de Meu Mundo em Perigo, foi escolhido o melhor ator.   Veja a relação de premiados:   Melhor Filme - R$ 80 mil Filme: Cleópatra, de Julio Bressane   Melhor Direção - R$ 20 mil  LAÍS BODANSKY por Chega de Saudade   Melhor Ator - R$ 10 mil EUCIR DE SOUZA por Meu Mundo em Perigo   Melhor Atriz - R$ 10 mil ALESSANDRA NEGRINI por Cleópatra   Melhor Ator Coadjuvante - R$ 5 mil MILHEM CORTAZ por Meu Mundo em Perigo   Melhor Atriz Coadjuvante - R$ 5 mil DJIN SGANZERLA por Falsa Loura   Melhor Roteiro - R$ 10 mil LUIZ BOLOGNESI por Chega de Saudade   Melhor Fotografia - R$ 10 mil WALTER CARVALHO por Cleópatra   Melhor Direção de Arte - R$ 10 mil MOA BATSON por Cleópatra   Melhor Trilha Sonora - R$ 10 mil GUILHERME VAZ por Cleópatra   Melhor Som - R$ 10 mil E ainda Prêmio Dolby: consiste na licença para usar o sistema de som Dolby (equivalente a US$ 4 mil) LEANDRO LIMA por Cleópatra   Melhor Montagem - R$ 10 mil RICARDO MIRANDA por Anabazys   PRÊMIO ESPECIAL DO JÚRI Anabazys, de Paloma Rocha e Joel Pizini Souza  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.