Reprodução
Reprodução

'Cisne Negro' lidera indicações a prêmio Critics' Choice

Prêmio tem superado o Globo de Ouro como principal indicador para o Oscar

Reuters

13 de dezembro de 2010 | 11h50

Cisne Negro, um drama ambientando no mundo da dança, destacou-se entre os indicados para o prêmio Critics' Choice, que ultimamente tem superado o Globo de Ouro como principal indicador para o Oscar.

O filme, que teve lotações esgotadas em seu limitado pré-lançamento na América do Norte, obteve 12 indicações, um recorde nos 16 anos de história do prêmio, anunciaram os organizadores nesta segunda-feira, 13.

Logo atrás, com 11 indicações cada, vieram o O Discurso do Rei, sobre a monarquia britânica, e um remake do faroeste dos irmãos Coen Bravura Indômita, que deve estrear nos EUA no proximo dia 22. A Origem e A Rede Social tiveram dez indicações cada.

Todos esses cinco filmes disputarão os prêmios de melhor filme e melhor diretor, junto com 127 Horas. A lista dos dez indicados a melhor filme contém ainda O Vencedor, Atração Perigosa, Toy Story 3 e Inverno da Alma.

Pequenos filmes de arte dominaram as indicações, deixando Toy Story 3 e A Origem como representantes dos "blockbusters". Chamaram a atenção as ausências de Somewhere, de Sofia Coppola, e Ilha do Medo, de Martin Scorsese.

Os vencedores serão anunciados na terça-feira, numa cerimônia em Hollywood.

O prêmio, organizado por 250 críticos dos EUA e Canadá, "acertou" o Oscar de melhor filme em oito das suas últimas dez edições.

O Globo de Ouro, que reúne um eleitorado menor, de correspondentes estrangeiros em Hollywood, acertou cinco de dez. No caso dos prêmios de melhor diretor, o Critics' Choice fica igual ao Oscar em 70 por cento das vezes; o Globo de Ouro, em 40 por cento.

Mas o grande número de indicações nem sempre é prenúncio de sucesso no Oscar. Foi assim neste ano, quando Bastardos Inglórios e Nove tiveram mais indicações no Critic's Choice, mas foi Guerra ao Terror que dominou a cerimônia principal.

Também em 2009, Quem Quer Ser Um Milionário? desbancou Milk e O Curioso Caso de Benjamin Button, que haviam dominado o prêmio dos críticos.

No Brasil, Cisne Negro tem estreia maracada para 2 de fevereiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.