Cinebiografia de Edith Piaf vai abrir Festival de Berlim

Uma cinebiografia da cantora francesa Edith Piaf foi escolhida para abrir a competição oficial do Festival de Cinema de Berlim, em fevereiro, informam os organizadores do evento nesta quarta-feira. Os jurados também foram anunciados e, entre eles, está o ator mexicano Gael García Bernal. La Vie en Rose, do diretor Olivier Dahan, fará sua estréia mundial em 8 de fevereiro na 57.ª Berlinale. Nos últimos anos o festival vem enfrentando dificuldades devido aos filmes que o abriram e que foram mal recebidos. Segundo os críticos, eles teriam sido escolhidos apenas se seus astros assistissem à abertura. A biografia de Piaf, que já foi vendida para distribuidoras em todo o mundo, traz Marion Cottilard no papel-título. Edith Piaf morreu em 1963, aos 47 anos, após uma carreira repleta de altos e baixos. Ela é conhecida em todo o mundo pela canção Non, Je Ne Regrètte Rien (Não, não lamento nada). O elenco inclui Gerard Depardieu. O Berlinale é um dos festivais de cinema de maior prestígio do mundo, mas luta para competir com os de Veneza e Cannes em termos de glamour e presença de estrelas. Na semana passada os organizadores do evento anunciaram seis outros filmes que vão participar da competição, incluindo O Bom Pastor, de Robert De Niro, e O Segredo de Berlim, de Steven Soderbergh, ambos os quais já estrearam nos Estados Unidos. O segundo filme de De Niro na direção conta a história de um universitário americano idealista na 2.ª Guerra Mundial que é recrutado pelos serviços de inteligência. Em O Segredo de Berlim, filmado em preto-e-branco, George Clooney faz um jornalista americano que se envolve numa trama de assassinato. Jurado da Berlinale O ator mexicano Gael García Bernal fará parte da equipe de jurados da próxima edição da Berlinale, presidida pelo roteirista e diretor norte-americano Paul Schrader, informou nesta quinta-feira a direção do festival. O júri será composto por sete representantes do mundo do cinema e contará com figuras como o ator norte-americano Willem Dafoe, o alemão Mario Adorf e a palestina Hiam Abbas. A produtora de Hong Kong Nansun Shi será a única jurada que não é atriz nem diretora. A Berlinale acontece de 8 a 18 de fevereiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.