Christina Ricci volta aos blockbusters de Hollywood

Parece que Christina Ricci, quevirou queridinha dos fãs do cinema independente, não é tão"indie" assim. A atriz, que ficou famosa quando ainda era criança atuandoem "Minha Mãe é Uma Sereia" e "A Família Addams", diz que aspessoas a entenderam mal se pensam que ela se afastouintencionalmente dos grandes blockbusters de Hollywood depoisde adulta. E a prova do que ela diz é seu filme mais recente:"Speed Racer", feito com grande orçamento e que vai estrear nosEUA na sexta-feira. "Faz tempo que eu vinha querendo fazer filmes comerciais,mas não necessariamente me deram a oportunidade", disse ela àReuters. "Simplesmente não me deram esse tipo de papéis." Ainda adolescente Ricci deixou para trás filmes como"Gasparzinho, o Fantasminha Camarada" e passou a fazer papéismais complexos em dramas humanos como "Tempestade de Gelo"(1997), de Ang Lee, e "The Laramie Project" (2002), sobre oassassinato do jovem gay Matthew Shepard. Agora, porém, a atriz de 28 anos será vista como Trixie,namorada do personagem-título de "Speed Racer". Baseado numahistória em quadrinhos popular dos anos 1960, o filme trata deum jovem piloto de corridas, Speed, que descobre que grandesempresas estão usando seus lucros para subornar pilotos,arranjando previamente os resultados de corridas. Speed, Trixie, sua família e um piloto rival, Racer X,juram expor o esquema e salvar o automobilismo da corrupção. Repleto de ação, o filme promete ser o maior trabalho deRicci desde "A Lenda do Cavaleiro Sem Cabeça", de 1999, em queela contracenou com Johnny Depp. Ricci não concorda com quem diz que "Speed Racer" será umavirada para ela, depois de sua fama de atriz do cinemaindependente. "Gosto de grandes filmes comerciais", disse ela. "Soutolinha e curto de programas de TV bregas." A atriz disse que é fã de reality shows como "America'sNext Top Model" e "The Real Housewives of New York City" e que,quando vai ao cinema, curte sentir-se "transportada" paraoutros mundos. Em todo caso, disse Ricci, pelo fato de "Speed Racer" serdirigido pelos responsáveis por "Matrix", Andy e LarryWachowski, ela teve certeza de que o filme teria integridadeartística, sem deixar de ser divertido para o públicofamiliar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.