Chega aos cinemas em novembro versão de "As Panteras"

As Panteras, uma das séries mais populares da TV americana no fim da década de 70, está de volta. Mas apesar das presenças de Tavares e Spandau Ballet na trilha sonora, ninguém vai mais poder rir de Farrah Fawcett, num desses enormes biquínis americanos, segurar uma arma na praia, jogar as madeixas para o lado (no melhor estilo ?lôraburra?) e gritar: ?Parado!?. A preocupação principal de Drew Barrymore, uma das atrizes principais e produtora da adaptação cinematográfica do seriado Charlie´s Angels (título original), que estréia em duas semanas no circuito americano e no dia 24 de novembro no Brasil, era a de que armas de fogo não fossem usadas. ?Para não parecermos camp para as platéias de hoje, tínhamos de ser verdadeiras kickboxers?, disse a atriz durante uma coletiva à imprensa americana e estrangeira, no início da tarde do último domingo.Tudo é Matrix no novo As Panteras. Drew Barrymore, Cameron Diaz e Lucy Liu, as novas detetives com figurino de revista Vogue e em dia com a manicure, lutam como Keanu Reeves. Apesar de uma trama simplória, o filme é explosivo e sucesso de bilheteria na certa. Como é de se esperar, Cameron Diaz brilha em roupas colantes e em seu jeito peculiar de mexer o bumbum ? ?Criei uma maneira de ele (o derrière) ter vida própria?, comenta. O trio tem ajuda do mestre de artes marciais Cheung-Yan Yuen, expert do gênero em Hong Kong, que se utiliza de cabos para fazer as atrizes voar. ?Depois de oito horas de filmagens com esses cabos, tínhamos de dar dois dias de folga para elas, pois nenhuma conseguia andar direito?, explica McG, diretor de videoclipes das bandas Korn, Everclear e Barenaked Ladies, que faz sua estréia no cinema.As Panteras é um projeto da atriz Drew Barrymore, que, agora, por meio de sua produtora, a Flower Films, também faz um remake do clássico de Roger Vadim, Barbarella (vai interpretar o papel que foi de Jane Fonda). Depois de conseguir os direitos da série estrelada por Farrah Fawcett, Jaclyn Smith, Kate Jackson ? o trio que criou toda uma moda na década de 70 e agora inspira designers e fotógrafos nas páginas retrôs de revistas de moda ?, a ex-garotinha de ET - O Extraterrestre embarcou numa árdua jornada para montar seu elenco. ?Tive de implorar para que Cameron Diaz aceitasse o papel?, explica. ?Depois que Drew falou que minha personagem ia ser uma Poliana, o negócio facilitou?, brinca Cameron.O problema foi a escolha da terceira Pantera. O diretor McG chegou a pensar em chamar a supermodelo gaúcha Gisele Bündchen. ?Gisele é a própria encarnação da Pantera: bonita, esperta, talentosa e engraçada, mas ela ficou só no sonho e em uma foto voluptuosa estampada na parede de nossa produção, para copiarmos um pouco de seu estilo?, explicou o diretor. Oficialmente, porém, só as atrizes Angelina Jolie (que recusou) e Thandie Newton, a zambiana criada na Austrália e que fez par romântico com Tom Cruise em Missão Impossível 2, foram convidadas. ?Ela até ficou atrelada ao projeto por uns dias, mas fez um desses exames de farmárcia e descobriu que estava grávida?, conta Drew.Começaria, então, uma corrida secreta contra o tempo para encontrar a verdadeira Alex. ?Nós fizemos um teste com a Posh Spice em Londres, mas ela não foi muito bem?, diz o produtor Leonard Goldberg, também um dos criadores da série. ?Na mesma noite, na rádio BBC, o agente dela estava dando entrevista dizendo que Posh assumiria o papel da terceira Pantera?, prossegue. ?Teve muita gente que conseguiu seus 15 minutos de fama por conta dessa vaga aberta.? A escolhida, entretanto, foi a atriz Lucy Liu, mais conhecida por seu trabalho no seriado de TV Ally McBeal ? Minha Vida de Solteira. ?O que me interessou no projeto não foi o fato de que apareceria deslumbrante, com muito permanente no cabelo, mas o girl power da série?, explica Lucy, citando nada menos que as Spice Girls.Lucy Liu, que, segundo rumores, é a nova namorada de George Clooney, chegou arrumando confusão. Durante uma das cenas, se desentendeu com o ator Bill Murray e as filmagens tiveram que ser canceladas. ?Não foi o fim do mundo?, explica a produtora Nancy Jovonen. ?Era só uma cena especial, em que cada um tinha uma opinião diferente e os ânimos esquentaram?, continua. ?As filmagens foram interrompidas apenas por três horas.? Bill Murray, que era esperado na coletiva de domingo, não apareceu.Sam Rockwell, ator do circuito de cinema independente americano, interpreta um cibermilionário que desenvolveu um programa de software capaz de revolucionar o mundo científico. Ele é seqüestrado e as Panteras entram em ação. Bill Murray ficou com o papel de Bosley. E William Forsythe dá voz ao enigmático chefe da turma, Charlie. ?Um dos assessores de Marlon Brando ligou sugerindo que ele fizesse a voz de Charlie?, explica a produtora Nancy Jovonen. ?Outro que queria muito era o Harvey Weinstein, o dono da Miramax?, prossegue. ?Mas acabou não dando certo com nenhum dos dois.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.