GLOBO
GLOBO

Centro Cultural Olido vai ganhar a 'Sala Paulo Gustavo'

Homenagem será feita em aparelho cultural do município de São Paulo; corpo do ator foi cremado na tarde desta quinta, 6, em Niterói

O Estado de S.Paulo, O Estado de S.Paulo

06 de maio de 2021 | 18h28

A Sala Cine Olido, espaço cinematográfico do Centro Cultural Olido, no centro de São Paulo, vai se chamar Sala Paulo Gustavo, em homenagem ao ator morto na terça, 4. Um decreto municipal será publicado no Diário Oficial do Município nesta sexta, 7. Em reforma, a sala deve reabrir em julho.

A notícia chegou no mesmo dia em que o corpo do ator foi cremado, na tarde desta quinta, 6. A cremação se deu em Niterói, sua cidade natal, na Região Metropolitana do Rio. A cerimônia foi restrita a parentes e amigos, e o local de sua realização, o Cemitério Parque da Colina, não foi divulgado. O objetivo foi evitar aglomerações propícias à contaminação pela covid-19, que matou o artista.

O Theatro Municipal, na capital, foi posto à disposição da família, mas dispensado, também para evitar que fãs se aglomerassem.

Paulo Gustavo tinha 42 anos e morreu na noite de terça, 4, no Hospital Copa Star. Ele estava internado desde o dia 13 de março. Foi intubado, chegou a apresentar alguma melhora, mas voltou a piorar. Com dificuldades respiratórias, foi tratado com a ajuda de um ECMO, equipamento que é uma espécie de pulmão artificial. Nos últimos dias, sua condição se deteriorou rápida e gravemente – o artista sofreu uma embolia. Na terça, à tarde, a equipe médica que o atendia reconheceu que a situação era irreversível.

O corpo de Paulo Gustavo chegou pouco antes das 9h desta quinta ao cemitério. Ficou no Salão Nobre. Foi velado pelo marido, Thales Bretas, pela mãe, Déa Lúcia, e pela irmã, Juliana Amaral. Colegas de profissão, como Ingrid Guimarães, Heloísa Perissé e Samantha Schmütz, também compareceram. Regina Casé e Luciano Huck mandaram coroas. A oração de despedida foi feita pelo reitor do Cristo Redentor, padre Omar. Pouco após às 14h30, ocorreu a cremação.

Tudo o que sabemos sobre:
Paulo GustavocinemaCine Olido

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.