Catherine e Douglas depõem no tribunal de Londres

A atriz Catherine Zeta-Jones e o ator Michael Douglas chegaram discretamente esta manhã ao Tribunal Superior de Londres para uma audiência sobre o processo que movem contra a revista Hello!, por ter publicado fotos de seu casamento sem autorização prévia. Catherine, de 33 anos, e Douglas, de 58, assinaram um contrato de exclusividade de US$ 1,6 milhão com a revista OK! pelo registro fotográfico de seu casamento em novembro de 2000, em Nova York.Porém, sua concorrente Hello! saiu às ruas três dias antes que a Ok!, com fotos obscuras ditas "exclusivas" de cenas do casamento realizado no hotel Plaza.O casal processa a revista Hello!, sua correspondente na Espanha, Hola!, o proprietário da revista Eduardo Sanchez Junco, a responsável pela mídia Marquesa De Varela, sua empresa Neneta Overseas Ltd. e o fotógrafo free lancer Philip Ramey.Catherine, grávida do segundo filho do casal, estava tranqüila durante os 90 minutos de seu testemunho. Ela disse que queria preservar sua privacidade e sua imagem. "Há muitas coisas que eu gostaria de manter em segredo, especialmente certos momentos de emoção e certos momentos de abraços afetivos".Douglas também testemunhou, dizendo que o casal sabia que haveria um forte interesse sobre a cerimônia de seu casamento e não fugiram de sua responsabilidade com o fato. "A melhor maneira para resolver isso seria fazer um acordo com uma publicação", ele disse. Segundo Michael esta seria a maneira mais ordenada e garantida de eliminar os paparazzi frenéticos que circundam eventos como estes. Sobre o fato de terem vendido a exclusividade por 1 milhão de ponds, Catherine respondeu: "Eu tenho sido muito bem recompensada em meu trabalho e meu marido tem uma longa carreira de equivalente sucesso financeiro e esta quantia pode ser muito alta para muitas pessoas nesta sala, mas não é muito para nós".

Agencia Estado,

10 de fevereiro de 2003 | 15h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.