REprodução
REprodução

Casal de 'Um Amor Para Recordar' comemora 15 anos do filme

Shane West e Mandy Moore lembram do filme inspirado no livro de Nicholas Sparks

O Estado de S.Paulo

27 Janeiro 2017 | 15h09

Há exatos 15 anos anos, "Um Amor para Recordar" chegava aos cinemas para se tornar um dos romances favoritos. Para matar a saudade, os próprios protagonistas do filme de 2007 Shane West e Mandy Moore compartilharam suas memórias no Instagram.

Em sua conta Mandy declarou: "Em homenagem ao 15º aniversário de 'Um Amor para Recordar' vamos dar um passeio pela estrada da memória. Quais são as suas cenas favoritas? Alguma pergunta?", escreveu a atriz. 

Já o ator agradeu: "Parece que é o 15º aniversário de 'Um Amor para Recordar"… O tempo voa! O amor e apoio de vocês por esse filme sempre coloca um sorriso em nossos rostos. Obrigado."

Na história, em plenos anos 90, Landon Carter (Shane West) é punido por ter feito uma brincadeira de mal gosto em sua escola. Como punição ele é encarregado de participar de uma peça teatral, que está sendo montada na escola. É quando ele conhece Jamie Sullivan (Mandy Moore), uma jovem estudante de uma escola pobre. A atriz conquistou o MTV Movie Awards na categoria Melhor Revelação Feminina.

Com o tempo Landon acaba se apaixonando por Jamie que, por razões pessoais, faz de tudo para escapar de seu assédio. No filme, vários sets de filmagem utilizados foram os mesmos da série de TV Dawson's Creek. 

No Brasil, o começo da trama de Malhação na temporada de 2004 foi considera semelhante ao do filme. Depois de uma brincadeira inconsequente causa um acidente trágico, que leva o jovem Fabrício (Pedro Nercessian) a sofrer uma queda e entrar em coma. Gustavo (Guilherme Berenguer) e Kadu (Bruno Ferrari)  – o irmão mais novo de Letícia (Juliana Didone), um rapaz revoltado com sua condição social – são acusados e julgados. Por culpa do defensor público, Kadu termina preso. Gustavo escapa da cadeia graças ao pai. Sua pena é reduzida, e ele é condenado a prestar serviços comunitários. Dessa forma, passa a conviver com Letícia também fora do Múltipla Escolha, já que ela está envolvida em vários trabalhos de assistência social.

Mais conteúdo sobre:
Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.