"Carandiru" vence o Prêmio Glauber Rocha em Cuba

Carandiru, de Hector Babenco, recebeu ontem o Prêmio Glauber Rocha do 25.º Festival Internacional do Novo Cinema Latino-Americano de Havana. O troféu, que homenageia o cineasta baiano morto em 1981, foi instituído em 1985, e seu vencedor é escolhido por um júri de jornalistas de várias partes do mundo. Além do longa brasileiro, o júri destacou o documentário Suite Habana, do cubano Fernando Pérez, com uma nota de "reconhecimento especial". O festival cubano começou no dia 1 e acaba amanhã, quando serão anunciados os vencedores do Coral, prêmio máximo do evento. No ano passado, os ganhadores foram o brasileiro Cidade de Deus, de Fernando Meirelles e Kátia Lund, e o argentino Tan de Repente, de Diego Lerman.

Agencia Estado,

11 de dezembro de 2003 | 12h41

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.