"Carandiru" representa o Brasil na disputa ao Oscar

Carandiru foi escolhido o representante brasileiro na disputa ao Oscar 2004. O filme de Hector Babenco, baseado nos relatos do médico Dráuzio Varella, vai disputar uma das cinco indicações ao troféu de melhor filme estrangeiro. A 76.ª edição do Oscar acontece em 29 de fevereiro do ano que vem. Os finalistas serão anunciados em 27 de janeiro.Com mais de 4,6 milhões de espectadores, Carandiru é o maior sucesso de bilheteria desde a chamada retomada do cinema nacional, no início dos anos 90. Em maio, o filme disputou - e perdeu - a Palma de Ouro do Festival de Cannes. Babenco já esteve outras vezes na festa do Oscar. Seu O Beijo da Mulher-Aranha deu a William Hurt o prêmio de melhor ator, e Ironweed rendeu troféus a Jack Nicholson e Meryl Streep.O anúncio do candidato brasileiro ao Oscar foi feito hoje, em Brasília, pelo Secretário para o Desenvolvimento das Artes Audiovisuais, Orlando Senna. Também concorriam à vaga Desmundo, de Alain Fresnot, O Homem que Copiava, de Jorge Furtado, Deus é Brasileiro, de Cacá Diegues, Lara, de Ana Maria Magalhães, Durval Discos, de Ana Muylart, Dois Perdidos numa Noite Suja, de José Jofilly, Caminho das Nuvens, de Vicente Amorim, e Capital do Medo, de Manoel Carlos.Carandiru foi escolhido por um comissão presidida por Orlando Senna e composta pelos profissionais da área João Januário Guedes, Adhemar Oliveira, Ivana Bentes, Paulo Roberto Ribeiro, Roberto Farias, Ismail Xavier e Monica Scmiedt.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.