Cantor James Taylor recusou papel de Lincoln no cinema

O cantor norte-americano James Taylor disse não ver semelhança, mas o contataram em vão para interpretar o papel do ex-presidente norte-americano Abraham Lincoln em um novo filme.

Reuters

09 de dezembro de 2012 | 17h15

Taylor, ganhador de cinco prêmios Grammy, disse a um concorrido clube de imprensa na sexta-feira que John Williams, músico ganhador de um Oscar que compôs a trilha sonora de "Lincoln", propôs que Taylor interpretasse o protagonista da nova produção de Steven Spielberg.

O papel de Lincoln no drama histórico recaiu finalmente no ator Daniel Day-Lewis.

"John queria que eu o interpretasse. Pensou no meu nome e chegou a sugeri-lo", disse Taylor, de 64 anos, acrescentando: "Nunca iria acontecer".

O cantor de "Fire and Rain", que não tem experiência como ator, afirmou que se sentiu lisonjeado porque algumas pessoas pensaram na semelhança do retrato que Day-Lewis fez de Lincoln, mas acrescentou que ele só vê que ambos são "altos e magros".

O britânico Daniel Day-Lewis, que já tem dois prêmios Oscar, é um dos favoritos para levar para casa outra estatueta em fevereiro do ano que vem.

(Reportagem de Andrea Shalal-Esa)

Tudo o que sabemos sobre:
FILMETAYLORLINCOLN*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.