Cameron Diaz é indenizada por reportagem sobre ´amasso´

A atriz Cameron Diaz ganhou na Justiça um pedido de desculpas e uma indenização "substancial" na Alta Corte Britânica por parte do tablóide americano National Enquirer, que publicou em maio de 2005 que a atriz havia sido flagrada num "amasso apaixonado" com um produtor de TV.Como era possível acessar a reportagem na Grã-Bretanha pela internet, o caso pôde ser submetido à Justiça britânica.O advogado disse ao tribunal que a reportagem foi publicada sob o título "Cameron pega em traição", e que ela tinha sido fotografada num "amasso apaixonado com um homem casado". Cameron namorava na época o cantor e ator Justin Timberlake. O relacionamento de três anos dos astros acabou no mês passado.Sam Howard, advogado do National Enquirer, disse ao tribunal que o jornal admitia que as acusações "jamais deveriam ter sido publicadas", pois não tinham fundamento. Segundo o advogado da estrela, Simon Smith, o jornal concordou em pagar uma indenização "substancial" à atriz. Ele não revelou a quantia. A reportagem também foi publicada no principal tablóide britânico, o The Sun, que fechou um acordo com a atriz em julho de 2005, disse Smith.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.