Brokeback Mountain é proibido nas Bahamas

O Segredo de Brokeback Mountain, filme do diretor taiwanês Ang Lee, que conta a história de amor de dois cowboys norte-americanos, foi proibido nas Bahamas. A decisão foi tomada pelo Escritório de Controle do país, por mostrar "cenas extremas de homossexualidade, pessoas nuas, vulgaridades que não podem trazer nenhum valor positivo ao público das Bahamas".A proibição do filme provocou protestos imediatos dos grupos homossexuais. "Esses indivíduos não podem se considerar capazes de escolher o que é moral ou não para consumo de toda a comunidade", disseram os representantes desses grupos. E acrescentaram que "bastava proibir o filme para menores de 18 anos. Os adultos devem ter direito de julgar por si mesmos". O Segredo de Brokeback Mountain era o favorito do Oscar, com oito indicações. Acabou perdendo para o longa de Paul Haggins, Crash - No Limite, na categoria melhor filme, mas recebeu os prêmios de melhor diretor, melhor roteiro adaptado e melhor trilha sonora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.