Brokeback Mountain é o destaque do Bafta com quatro estatuetas

O Segredo de Brokeback Mountain, do diretor Ang Lee, foi hoje o grande vencedor dos prêmios Bafta, o Oscar britânico, ao receber quatro prêmios dos nove aos quais concorria, dois deles nas principais categorias: melhor filme e melhor diretor. O filme, que apresenta uma história de amor homossexual entre cowboys nos Estados Unidos, levou ainda a estatueta ao melhor roteiro adaptado. Jake Gyllenhaal ganhou o prêmio de melhor ator coadjuvante, batendo, entre outros, George Clooney, que concorria com Syriana e com Boa noite e Boa Sorte.O grande fiasco da noite foi O Jardineiro Fiel, do brasileiro Fernando Meirelles, que partiu como favorito com um total de 10 indicações e teve de se contentar com o prêmio de melhor edição.O Bafta de melhor ator foi para Philp Seymour Hoffman, por Capote, enquanto que o prêmio à melhor atriz ficou com Reese Witherspoon, por seu papel em Johnny e June, sobre a vida do cantor Johnny Cash.O prêmio de melhor filme inglês foi para Wallace & Gromit - A Batalha dos Vegetais, e o de melhor atriz coadjuvante para Thandie Newton, de Crash - No Limite .

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.