CARNEIRO VERDE FILMES
CARNEIRO VERDE FILMES

Brasil terá três filmes no Fórum do Festival de Berlim

‘A Rosa Azul de Novalis’, ‘Chão’ e ‘Querência’ vão representar o País na mostra dedicada à produção experimental

Redação, EFE

19 Janeiro 2019 | 03h00

O Brasil estará representado com três produções entre os 39 filmes que serão projetados na Fórum do Festival de Berlim, mostra dedicada ao cinema experimental, segundo informou na sexta, 18, a organização do evento. O programa não pretende ser “uma espécie de lista dos melhores, mas reúne uma seleção de filmes que assumem riscos, adotam uma posição e se recusam a fazer concessões”, afirma o comunicado.

“Vários filmes tomam a palavra escrita como ponto de partida e fazem referências explícitas à literatura ou trabalham com cartas, poemas e outros escritos”, acrescenta. Essas referências literárias podem ser encontradas justamente em A Rosa Azul de Novalis, de Gustavo Vinagre e Rodrigo Carneiro – nesse retrato documental em transformação, o apartamento em São Paulo de Marcelo, 40 anos e soropositivo, se transforma em um verdadeiro cenário da sua vida.

Por sua vez, o documentário Chão, de Camila Freitas, aborda o cultivo ecológico e a luta de um grupo de sem-terra que desde 2015 ocupa parte de um terreno e exige sua redistribuição.

Também no Brasil rural transcorre o longa-metragem Querência, de Helvécio Marins Jr., que narra a história de Marcelo, que deixa seu trabalho como vaqueiro após um assalto e encontra uma saída para a melancolia e uma nova vida como mestre de cerimônias em espetáculos de rodeio. O Festival de Berlim começa no dia 7 de fevereiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.