Brasil marca presença em festival de documentários francês

Produções brasileiras 'Dia dos Pais' e 'Sentinela' serão exibidas na 30ª edição do Cinéma du Réel, em Paris

Efe,

08 de março de 2005 | 12h50

As produções brasileiras Dia dos Pais e Sentinela estarão representando o Brasil na 30ª edição do Cinéma du Réel, tradicional festival francês de documentários que será realizado entre 7 e 18 de março, em Paris. O festival exibirá 28 filmes de 20 países de vários continentes, além de uma seleção de 12 novas produções francesas, segundo informou nesta quarta-feira, 5, o Centro Pompidou, organizador do evento. O longa Dia dos pais, de Julia Murat e Leonardo Bittencourt, faz uma viagem pelo cotidiano de cinco cidades da antiga região do café, na qual a busca por conhecer o Vale do Paraíba se mistura com a busca pela identidade da família da diretora. Já Sentinela, de Afonso Nunes, narra a passagem para a morte narrada por personagens reais e capturada por diferentes texturas fílmicas. Além disso, serão apresentados os mexicanos La Frontera Infinita, de Juan Manuel Sepúlveda, um relato sobre a imigração clandestina no sul dos Estados Unidos, e Wadley, de Matias Meyer, sobre a experiência da solidão da natureza por um homem que viaja ao deserto em procura de um alucinógeno. Pela Argentina, serão exibidos Querida Mara, Cartas de una Viaje por la Patagonia, de Carlos Echeverria, um filme sobre "as últimas vítimas da 'pacificação' argentina do séulo XIX". O festival incluirá também uma homenagem aos documentários americanos produzidos entre 1967 e 1972, além de diferentes de debate sobre a sétima arte.

Tudo o que sabemos sobre:
Cinéma du Réelfestival

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.