Ander Gillenea / AFP
Ander Gillenea / AFP

Brasil ganha prêmios de melhor filme e ator no Festival de San Sebastián

Dirigido por Paxton Winters, Pacificado ganhou a Concha de Ouro e Bukassa Kabengele ficou com a Concha de Prata

Redação, O Estado de S.Paulo

28 de setembro de 2019 | 17h12

O filme brasileiro Pacificado, sobre a disputa de poder dentro de um grupo criminoso que controla uma favela do Rio de Janeiro, ganhou neste sábado, 28, a Concha de Ouro de melhor filme no Festival de San Sebastián. E não foi só isso, Bukassa Kabengele, brasileiro de origem belga, foi eleito o melhor ator por sua atuação neste filme.

Dirigido pelo americano Paxton Winters, que vivia na favela, e produzido por seu compatriota Darren Aronofsky, o filme é a primeira produção brasileira a conquistar o prêmio principal do festival espanhol.

Produção mostra a luta de poder em uma favela do Rio de Janeiro. A história se passa no Morro dos Prazeres, onde a adolescente Tati (Cassia Gil) tenta se conectar com o pai, Jaca (Bukassa Kabengele), que é um ex-presidiário. 

Estão no elenco Débora Nascimento e José Loreto.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.