Brad Pitt troca o cinema pela arquitetura

O ator Brad Pitt deixou de ladotemporariamente o cinema para cumprir um de seus sonhos: participarde um grande projeto arquitetônico junto a um de seus arquitetosmais admirados, o canadense Frank Gehry. O artista americano, de 41 anos, trabalhará com o prestigiosocriador do museu Guggenheim de Bilbao em um ambicioso projeto nascidades costeiras de Brighton e Hove (sul da Inglaterra), segundo publicou o jornal britânico The Guardian. Pitt, que esteve recebendo aulas de desenho por computador, seencarregará de idealizar um restaurante e uma cobertura que fazemparte do ambicioso projeto de mais ou menos 300 milhões de euros, eque reformará o elegante passeio marítimo que une Brighton a suacidade vizinha. O protagonista de filmes como Tróia e Clube da Luta, estudoujornalismo na Universidade do Missouri (EUA) antes de passar para agrande tela e sempre demonstrou ter grande interesse pelaArquitetura. Em 2001, Pitt conheceu Gehry, de 74 anos, e se tornaram amigos ecomeçou uma relação profissional, pois o ator começou a colaborarcomo aprendiz no estúdio que o arquiteto tem em Los Angeles (EUA). Segundo assinala o jornal britânico, Brad Pitt irá ao Reino Unidoem agosto para acompanhar de perto o andamento das obras das quatroenormes torres quebradas que a equipe do arquiteto canadenselevantará no sul deste país. Gehry levantará no passeio marítimo victoriano de Brighton eHove, quatro torres de cristal nas quais serão colocadas por voltade 700 casas e criará um grande cetro esportivo público cercado dejardins e de um restaurante.Pitt, de 41 anos, se separou de Jennifer Aniston em janeiro, depois de quatro anos e meio de casamento. Jannifer, de 36 anos, pediu o divórcio em março alegando diferenças irreconciliáveis. Os jornais sensacionalistas especularam sobre um romance entre o ator e a atriz Angelina Jolie teria sido a causa do rompimento entre eles. A prova teria sido as fotos de Pitt, Angelina e seu filho Maddox de quatro anos caminhando por uma praia na África.Angelina Jolie disse recentemente à agência Associated Press que tem "a melhor opinião" sobre Brad Pitt, com quem protagoniza o filme Mr. e Mrs. Smith, que estréia no Brasil no próximo mês, mas diz que nunca teve um relacionamento mais íntimo com ele."Nos damos estupendamente", disse Angelina em uma entrevista à edição de julho da revista Marie Claire, mas garantiu que seu vínculo com ele nunca passou de amizade: "Absolutamente não. Manter relações íntimas com um homem casado, quando meu próprio pai enganou minha mãe, seria para mim algo imperdoável", disse. "Não poderia olhar-me no espelho pela manhã se fizesse tal coisa".Angelian diz que continha solteira e concentrada em seu filho. Seus casamentos anteriores foram com Jonny Lee Miller e Billy Bob Thornton.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.