Kimberly White/ Reuters
Kimberly White/ Reuters

Brad Pitt pede desculpas a Jennifer Aniston, doze anos após a conturbada separação

Afirmação foi feita por uma pessoa ligada à atriz para a revista 'Life and Style'

O Estado de S.Paulo

14 de junho de 2017 | 16h58

Após 12 anos da conturbada separação, Brad Pitt e Jennifer Aniston parecem estar voltando a ter uma relação amigável. Pelo menos é o que afirmou à revista Life and Style uma pessoa próxima da atriz, que disse que o ator teria entrado em contato com Jennifer com o intuito de pedir desculpas pelo que teria causado a ela.

De acordo com a mesma fonte, apesar de Pitt ser muito fechado, ele tem feito sessões de terapia, que está fazendo diferença na vida do ator, e ele "parece que conseguiu externar os sentimentos e se abriu para Jennifer, procurando se desculpar pelo mal que teria causado a ela".  

Essa pessoa ligada a Jennifer Aniston afirmou ainda que a atriz se mostrou aberta às desculpas de Pitt afirmando que após a separação focou em seu futuro, para esquecer o ex.

A terapia a que Brad Pitt se submete começou após sua separação de Angelina Jolie, que foi um momento traumático para ele, que admitiu ter sérios problemas com o álcool. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.