John Shearer/Invision/AP
John Shearer/Invision/AP

Brad Pitt consegue ordem de prisão contra homem que lhe deu um soco

Ucraniano é repórter de TV e já ficou conhecido por invadir outros tapetes vermelhos

Reuters

30 de maio de 2014 | 11h06

A polícia americana emitiu uma ordem de prisão contra o ucraniano que deu um soco na cara de Brad Pitt enquanto o ator dava autógrafos na noite de estreia de Malévola, novo filme da Disney protagonizado por sua mulher, Angelia Jolie.

Pitt – que embora não pareça tem 50 anos – pediu uma ordem de proteção urgente contra Vitalii Sediuk, 25. O rapaz invadiu, nesta quinta-feira, uma barreira de proteção e atingiu o ator, que apesar da “brincadeira” não se machucou e seguiu dando autógrafos.

::: Cultura Estadão nas redes sociais :::
:: Facebook ::
:: Twitter ::

Sediuk, uma personalidade televisa na Ucrânia com notoriedade justamente por romper barreiras de tapetes vermelhos, seguia desde então sob custódia policial, e tinha o valor da fiança estabelecido em 20 mil dólares. Em outras ocasiões, ele se agarrou à perna de Leonardo DiCaprio, invadiu o palco quando Adele recebia um Grammy e levou um soco de Will Smith quando tentou beijar o ator em uma estreia em Moscou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.