Berlinale inova e cria sessão de filmes históricos

O Festival de Cinema de Berlim incluirá na Berlinale-Especial a estréia mundial do documentário I Have never Forgotten You. The Life and Legacy of Simon Wiesenthal (Eu nunca me esqueci de você. A vida e o legado de Simon Wiesenthal, tradução livre), narrado por Nicole Kidman, assim como Madrigal, do cubano Fernando Pérez. A sessão, fora de competição e que leva o nome de Memória e Experimento, contará com nove filmes dedicados a fatos históricos do século 20, que combinam informações com uma linguagem experimental, conforme anunciou a organização do festival. O documentário sobre Wiesenthal foi dirigido por Richard Trank e reúne uma compilação de documentos procedentes de arquivos de vários países, além de entrevistas inéditas com familiares e colaboradores do maior caçador de nazistas da história. A produção cubano-espanhola Madrigal é uma mescla de realidade e ficção que parte da Havana atual e culmina com um episódio futurista. Também serão projetados La Masseria Delle Allodole, dos irmãos Paolo e Vittorio Taviani, com Paz Vega e AngelaMolina entre seus protagonistas e sobre a minoria armênia. E ainda Wie Man Sein LebenKocht, da alemã Dorris Dörrie e a norte-americana Day onFire, de Jay Anania, sobre cinco personagens que se encontram em um dia de inverno em Nova York.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.