Beach Boys ameaça processar casa de leilões

A banda veterana Beach Boys ameaçou entrar com um processo contra uma casa de leilão britânica pela venda de objetos pessoais que teriam sido roubados. A banda afirma que pretende lançar uma ação civil contra a casa Cooper Owen, que está lidando com o leilão de 28 peças relacionadas aos Beach Boys.A banda, que informou que a polícia americana já está investigando o roubo, também quer processar a pessoa que colocou os objetivos a leilão e qualquer um que compre os objetos.A casa de leilões britânica Cooper Owen não estava disponível para comentar as acusações."O FBI e a Interpol também podem se envolver na investigação", informou em uma declaração o selo dos Beach Boys, Brother Records Inc.Objetos rarosO leilão, que deve ocorrer nesta quinta-feira, inclui os primeiros contratos dos Beach Boys, letras e partituras escritas à mão.Os lotes incluem as partituras com arranjos originais para músicas como Good Vibrations e God Only Knows, ambas com observações escritas à mão por Brian Wilson.Colecionadores também poderão comprar o contrato de Wilson e Mike Love para a música Do It Again além de fotografias particulares da banda com o ex-beatle George Harrison.Ainda não foram determinados os preços mínimos para esses objetos.Três cabeças de bonecos de cera representando os Beatles, feitas para o museu Madame Tussaud e usados na capa do disco Sgt Pepper´s Lonely Hearts Club Band devem chegar a 80 mil libras (cerca de R$ 324 mil) no leilão desta quinta-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.