Atriz Kim Basinger contrata segurança para proteger filha

A atriz Kim Basinger contratou um guarda-costas para sua filha de 11 anos, depois de vir a público, na semana passada, a gravação deixada na secretária eletrônica pelo pai da menina, o ator Alec Baldwin, informou na segunda-feira, 23, a porta-voz de Kim.A disputa amarga que se arrasta há seis anos entre o casal divorciado em torno da guarda de sua única filha, Ireland, veio à tona na última quinta-feira, quando o site de fofocas sobre celebridades TMZ.com divulgou uma gravação de uma mensagem telefônica irada deixada por Baldwin para a garota, em que a chamava de "porquinha grosseira e insensível".O ator de 49 anos, que faz o papel de um executivo de televisão corrupto e egocêntrico na sitcom da NBC 30 Rock, disse na fita que estava furioso por não ter conseguido falar com sua filha numa conversa telefônica previamente combinada. Ele ameaçou viajar de Nova York para "endireitar você à força".Alec mais tarde pediu desculpas por seu temperamento explosivo em comunicado postado em seu próprio site e acusou sua ex-esposa de vazar a fita da secretária eletrônica para a mídia, desobedecendo a uma ordem do tribunal que impede a divulgação dos materiais relacionados ao processo pela guarda da menina.Mas a porta-voz de Kim Basinger, Annett Wolf, divulgou um comunicado na segunda-feira negando que a atriz tenha divulgado a mensagem da secretária eletrônica e dizendo que a gravação "não estava coberta pela ordem de sigilo do tribunal"."Kim realmente contratou um segurança devido à atenção dada pela mídia para o caso, para permitir que Ireland conserve sua rotina e suas atividades regulares, sem interrupções", disse Wolf.Briga antigaO comunicado da porta-voz acrescentou que Basinger espera que Baldwin "finalmente procure modificar seu comportamento instável e irracional para que, em algum momento, possa potencialmente criar um relacionamento com sua filha".O site TMZ informou que um comissário da Corte Superior de Los Angeles suspendeu temporariamente os direitos de visita de Baldwin a sua filha, depois de ouvir a fita.Representantes de Basinger, 53 anos, que recebeu um Oscar por seu papel coadjuvante no filme Los Angeles - Cidade Proibida, de 1997, negaram-se a comentar o assunto, e o advogado de Alec Baldwin não pôde ser encontrado para ouvir suas declarações.Basinger e Baldwin se casaram em 1993, e ela pediu o divórcio em 2001. O divórcio foi concedido no ano seguinte, mas desde então eles continuam a enfrentar-se nos tribunais em torno da guarda de sua filha e outras questões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.