Ator Sidney Poitier é homenageado em Cannes

A França deu ao ator Sidney Poitier a honraria máxima nesta quinta-feira, no Festival de Cannes. O ministro da Cultura, Renaud Donnedieu de Vabres, homenageou Poitier por sua tentativa de fazer desaparecer as barreiras existentes para atores negros em Hollywood.Poitier foi nomeado um comandante das artes e das letras por ordem da França. Renaud Donnedieu de Vabres disse ao ator de 79 anos: "Você é o campeão da igualdade entre os homens". O ator, que ganhou um Oscar e um Globo de Ouro pela atuação em Uma Voz nas Sombras (1963), agradeceu à família, que trabalhava no campo nas Bahamas, por ensiná-lo a ter honestidade, integridade e compaixão. Agradeceu também os diretores que romperam paradigmas ao contratá-lo, chamando-os de "homens que escolheram mudar os padrões porque estes não eram democráticos, não eram americanos, não eram humanos".O Festival de Cannes teve início na última quarta-feira, na França, com a exibição de O Código Da Vinci, polêmico filme de Ron Howard estrelado por Tom Hanks que teve como base o livro homônimo do norte-americano Dan Brown.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.