Eduardo Munoz/Reuters
Eduardo Munoz/Reuters

Ator Ansel Elgort será o protagonista da nova versão de 'Amor, Sublime Amor'

O ator será Tony, que foi interpretado por Richard Beymer na primeira versão do filme, em 1961

EFE

02 Outubro 2018 | 11h27

O jovem ator americano Ansel Elgort, de 24 anos, será o protagonista da nova versão de Amor, Sublime Amor do diretor Steven Spielberg, informou na segunda-feira o revista especializada The Hollywood Reporter.

O ator será Tony, que foi interpretado por Larry Kert na obra original da Broadway, em 1957, e Richard Beymer na primeira versão do filme, em 1961.

Tony Kushner, roteirista indicado ao Oscar e vencedor do Pulitzer, é o responsável pela elaboração desta nova versão do musical, uma peça original escrita em 1957 por Arthur Laurents e Stephen Sondheim, com música de Leonard Bernstein.

Spielberg está dedicando boa parte deste ano para a seleção do elenco deste projeto, que adapta o clássico Romeu e Julieta para as ruas de Nova York na década de 1950 e propõe um confronto entre brancos e porto-riquenhos.

De acordo como a publicação, o cineasta traçou centenas de atores e dançarinos em Nova York, Los Angeles, Miami e Porto Rico.

A escolha de Elgort permitirá que a filmagem aconteça no segundo semestre do próximo ano, diz a revista.

Elgort chamou a atenção do público no drama adolescente A Culpa é das Estrelas e foi visto em filmes como Divergente e A Série Divergente: Insurgente antes do sucesso de Em Ritmo de Fuga, de Edgar Wright.

A versão original de Amor, Sublime Amor, dirigida por Jerome Robbins e Robert Wise, conquistou dez Oscars, incluindo o de melhor filme.

Segundo o The Hollywood Reporter, os primeiros anúncios para a seleção do elenco desta nova versão começaram em janeiro e enfatizaram que os personagens de María, Anita e Bernardo sejam interpretados por atores latino-americanos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.