Aparato militar protege "Harry Potter" da pirataria

Esqueça as lanternas. Funcionários dos cinemas britânicos que estão exibindo o novo Harry Potter estão equipados com óculos militares de visão noturna para rastrear a pirataria dentro das salas. A empresa Vue Cinemas disse hoje que instruiu seus funcionários a ficarem as 2 horas e 22 minutos de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban observando a platéia em busca de pessoas tentando copiar o filme.Os óculos foram distribuídos em todos os cinemas da Vue pelo país, junto com as cópias do longa da Warner Brothers, depois que várias cópias pirateadas dos dois primeiros filmes da saga dos bruxos adolescentes invadiram o mercado negro. ?É uma responsabilidade incrível e nos faz entender o motivo pelo qual os distribuidores ficam tão preocupados em proteger os filmes da pirataria. Trabalho com cinemas há 10 anos e nunca vi nada desse tipo?, disse Jamie Graham, gerente do complexo Vue de Ellesmere, região central da Inglaterra. Graham disse que seu cinema vendeu 6.500 ingressos para sessões do filme, que estreou na Inglaterra hoje às 9 horas locais (5 horas de Brasília). ?Nossos empregados estão usando os óculos em todas as sessões para pegar qualquer pessoa que tente fazer uma cópia. Se isso acontecer, chamaremos a polícia?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.