Reuters
Reuters

Antonio Banderas critica Donald Trump por declarações sobre mexicanos

'A mim parece uma vergonha', explicou o ator de 55 anos

AFP, O Estado de S.Paulo

10 de novembro de 2015 | 17h52

O ator espanhol Antonio Banderas criticou a atitude do pré-candidato republicano à Casa Branca, Donald Trump, ao considerar que seus comentários sobre os imigrantes mexicanos são "uma vergonha". "A mim parece uma vergonha", explicou o ator de 55 anos durante entrevista à AFP por ocasião da estreia na sexta-feira do filme "Os 33" nos Estados Unidos.

"Ha muitas coisas vergonhosas que estão acontecendo há muitos anos", afirmou. Trump provocou indignação na comunidade latina nos Estados Unidos ao afirmar que, se vencer a eleição, expulsará os 11 milhões de imigrantes sem documentos e construirá um gigantesco muro na fronteira com o México.

"A luta pelo poder se impõe mais que a solução para os problemas dos seres humanos", acrescentou. O ator espanhol se una a uma longa lista de celebridades hispânicas que manifestaram seu repúdio a Trump, como Alejandro González Iñárritu, Mario Vargas Llosa, Ricky Martin, Mark Anthony e Shakira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.