Angelina Jolie adota o menino vietnamita Pax, de 3 anos

A atriz Angelina Jolie adotou um garoto vietnamita de 3 anos, que vivia no orfanato Tam Binh, na cidade de Ho Chi Minh, segundo informaram fontes do centro de adoção. Ela deixou o local em uma caminhonete Toyota, carregando a criança que, segundo o diretor da instituição, recebeu o nome de Pax Thien Jolie. A atriz, que chegou na manhã de quarta feira, 14, ao orfanato de Tam Binh acompanhada de seu filho Maddox, um menino cambojano de 5 anos que ela adotou em 2002, foi recebida por uma delegação de crianças, levando flores e vestidas com trajes tradicionais vietnamitas. Angelina dirigiu-se ao Departamento de Justiça da cidade para acertar a adoção, informaram fontes do centro de adoção da cidade, que falaram sob a condição de anonimato, porque não estão autorizados a comentar o caso. A atriz chegou na quarta-feira, 14, ao aeroporto de Ho Chi Minh e se reuniu com funcionários da Embaixada dos Estados Unidos, que darão à criança um passaporte. O menino que Angelina adotou foi abandonado em um hospital de Ho Chi Minh e transferido em seguida para o orfanato de Tam Binh, onde vive desde então, disse Nguyen Van Trung, diretor do orfanato. O nome dele agora é Pax Thien Jolie. Pouco depois de sua chegada, o pessoal de Tam Binh tentou localizar seus pais, sem sucesso. "Ele está saudável", disse Trung. "É um pouco tímido, se dá bem com outros meninos e adora jogar futebol", acrescentou o diretor. Em novembro de 2006, acompanhada de seu companheiro, o ator Brad Pitt, Jolie foi ao Vietnã para entregar a solicitação de adoção ao Departamento de Adoção Internacional. Angelina solicitou a adoção como mãe solteira porque ela e seu companheiro, o ator Brad Pitt, não são casados. Além de Maddox, a atriz cuida de Zahara, de 2 anos, nascida na Etiópia, e Shiloh, de 9 meses, seu filho com Pitt. Texto atualizado às 11 horas

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.