Ang Lee é destaque em meios de comunicação chineses

Depois da suposta proibição que o Governo chinês impôs à televisão estatal de informar sobre o Oscar de melhor diretor concedido ao taiuanês Ang Lee, pelo filme O Segredo de Brokeback Mountain, cineastas e meios de comunicação oficiais chineses destacaram hoje a conquista e consideraram o profissional um exemplo para os produtores do país. O Governo havia vetado a exibição da performance de Lee no Oscar porque, segundo informou à EFE uma jornalista da Televisão Central da China (CCTV), o povo chinês não estava preparada para lidar com o tema do homossexualismo."Ang Lee é um dos raros diretores capazes de manter sua cultura e produzir filmes sob uma perspectiva internacional", disse o produtor Huang Shuqing na sessão anual da Assembléia Nacional Popular (ANP, Poder Legislativo), da qual faz parte. Segundo o produtor, Lee, de origem chinesa, é um exemplo para os cineastas da China na luta destes pela "internacionalização" de seus trabalhos, devido ao "rigor" na hora de defender seu próprio estilo, "sem se importar com os comentários dos especialistas e jurados do setor cinematográfico".Já o diretor Feng Xiaoning, conhecido por filmes com enfoque bélico, disse que o segredo do êxito de Lee reside no fato de que este "cava fundo na rica cultura chinesa e na tradição nacional", segundo publicou a agência de notícias oficial "Xinhua".No entanto, o produtor Wu Yigong, presidente da Associação Cinematográfica da China, declarou que "Ang Lee se transformou em um diretor de Hollywood", e que "nada em Brokeback Mountain possui relações com a cultura chinesa".Os principais jornais do Governo publicaram hoje artigos em suas primeiras páginas parabenizando o diretor pela conquista do Oscar. Consideraram Ang Lee um "compatriota" pois, para o Governo chinês e a maioria de seus cidadãos, Taiwan é uma província da China."Ang Lee é o orgulho dos chineses em todo o mundo, e é a glória do talento cinematográfico chinês", ressalta um artigo do diário oficial China Daily.A China "necessita de mais mestres com sua profundidade e coragem", opinou no mesmo artigo a atriz e diretora Xi Jinglei.Lee conquistou o Oscar na categoria melhor diretor, durante a 78.ª cerimônia de entrega dos prêmios, em 5 de março. Foi o primeiro asiático a ser anunciado vencedor neste quesito.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.