"Amarelo Manga" ganha prêmio em Berlim

O longa-metragem de Cláudio Assis Amarelo Manga foi premiado em Berlim pela CICAE, a associação internacional de cineclubes, como o melhor filme da mostra paralela Fórum de Cinema. Segundo a organização, o filme foi eleito por desenvolver o tema da tolerância, em sintonia com o evento. Amarelo Manga, vencedor dos prêmios de júri e público no Festival de Brasília, compõe um painel do lado mais pobre de Recife, a partir das histórias de uma garçonete de botequim (Leona Cavalli), um açougueiro (Chico Diaz) e sua mulher crente (Dira Paes), um necrófilo (Jonas Bloch) e um cozinheiro homossexual (Matheus Nachtergaele).

Agencia Estado,

15 de fevereiro de 2003 | 20h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.