Al Pacino satiriza atores digitais

A presença de atores criados por computador vai ser assunto de uma sátira em Hollywood. Al Pacino e Catherine Keener (de Quero Ser John Malkovich) vão trabalhar juntos em Simone, sobre um produtor de cinema que resolve substituir uma atriz de seu filme com um personagem criado em computação gráfica - sem contar nada ao público. A fraude acaba sendo descoberta por um jornalista abelhudo.

Agencia Estado,

22 de agosto de 2000 | 17h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.