Academia celebra artistas europeus na festa do Oscar

Javier Bardem foi o primeiro espanhol a receber prêmio e Marion Cotillard quebrou o jejum francês de 48 anos

Agências internacionais,

08 Fevereiro 2025 | 10h43

As grandes estrelas de Hollywood ficaram em segundo plano na 80.ª cerimônia do Oscar, realizada no domingo, 24. Elas perderam espaço para quatro europeus, que conquistaram alguns dos principais prêmios da festa.   Veja também: Confira a lista de vencedores na cerimônia do Oscar 2008  Galeria de fotos do tapete vermelho  Veja as fotos de todos os vencedores Especial Oscar 2008    O espanhol Javier Bardem, que fez o assassino de Onde os Fracos Não Têm Vez, ganhou o Oscar de Ator Coadjuvante. Ele é o primeiro espanhol a receber o prêmio da Academia dos EUA. Nascido em uma família de artistas, ele agradeceu em espanhol à sua mãe ao subir no palco. "Mãe, isto é para você. Isto é para seus avôs e seus pais", disse.   O britânico Daniel Day-Lewis recebeu o Oscar de Melhor Ator por seu papel de explorador de petróleo do início do século 20 no longa Sangue Negro.   Entre as mulheres, a Academia premiou uma francesa e outra britânica. Marion Cotillard venceu o prêmio de Melhor Atriz pela interpretação da famosa cantora francesa Edith Piaf, em Piaf: Um Hino ao Amor, enquanto a britânica Tilda Swinton ficou com o Oscar de Atriz Coadjuvante por Conduta de Risco.   Marion Cotillard  é a primeira francesa a ganhar um Oscar nesta categoria desde 1960. "Estou sem palavras agora", disse a atriz ao subir ao palco para receber a estatueta. "Obrigada vida, obrigada amor. É verdade que há anjos nesta cidade."

Mais conteúdo sobre:
Oscareuropeus

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.