A música de Bach num cult de Straub

É o mais belo de todos os filmes sobre música. A Crônica de Anna Madalena Bach, de Jean-Marie Straub, terá sessão especial nessa quarta-feira, às 20h30, no Instituto Goethe (Rua Lisboa, 974, fone 280-4288). Vai passar numa cópia com legendas em inglês. Straub é o diretor do rigoroso Gente da Sicília, que co-realizou com Danile Huillet. Ela é co-autora do roteiro e montadora da Crônica. O filme conta a história do compositor Johan Sebastian Bach pelo viés de sua mulher - Anna Madalena, que amou o marido até a morte dele. Segundo Straub, o ponto de partida foi a idéia de um filme em que a música não fosse acompanhamento nem comentário, mas a própria matéria-prima. O resultado é maravilhoso, coisa de gênio.

Agencia Estado,

12 de setembro de 2000 | 19h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.