VOD é a nova sigla

TVA e NET lançam vídeo on demand

Etienne Jacintho, O Estadao de S.Paulo

22 de dezembro de 2008 | 00h00

A TVA lançará em janeiro o Video on Demand (VOD), usando a estrutura da rede de fibra ótica que a Telefônica está implantando em São Paulo, em cerca de 20 bairros como Jardins, Perdizes, Pinheiros, Morumbi, Moema e Vila Madalena. O VOD funciona como um pay-per-view, mas o assinante pode adquirir programas, via controle remoto, para assistir quando quiser. A TVA tem parceria com os estúdios Paramount, Warner e Disney. Segundo a diretora-superintendente da TVA, Leila Loria, cerca de 500 vídeos estarão na loja virtual, entre filmes e séries. A má notícia é que apenas assinantes dos novos pacotes que a TVA e Telefônica vão lançar - com serviço de voz, internet de 30 Mbps (megabytes por segundo) TV digital em alta definição - terão acesso ao VOD. O preço deve ser de R$ 399 mensais.A NET também anuncia para janeiro um tipo de VOD com sua internet de 20 ou 60 Mbps, pelo mesmo preço da TVA. A diferença é que a compra dos vídeos é feita pela internet, mas podem ser vistos na TV com o novo equipamento da operadora. Entre os parceiros da NET estão a Viacom, a Fox e a Globosat. As operadoras ainda não definiram preços para os vídeos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.