Viagem de Hollywood às ideias de esquerda

Alex Viany tem importância não apenas para o pensamento cinematográfico brasileiro como também pela aclimatação do neorrealismo italiano entre nós. Livros como Introdução ao Cinema Brasileiro e O Processo do Cinema Novo são fontes incontornáveis de pesquisa, em especial sobre o período mais fértil do cinema entre nós. Já os filmes que dirigiu, sobretudo Agulha no Palheiro (1953) e Sol Sobre a Lama (1963) assinalam o marco de importação de uma forma de filmar, a de Roberto Rossellini e amigos, e que teve enorme repercussão para o moderno cinema brasileiro. Essa dupla militância - como teórico e realizador - talvez seja a faceta mais interessante da personalidade de Viany que, por sua vez, expressa uma trajetória de vida e de pensamento. No princípio era o nome. Ele nasceu Almiro Viviani Fialho, mas passou a assinar Alex Viany assim que começou a escrever sobre cinema no Diário da Noite, em 1934. Ele mesmo diz que aquilo "era coisa de americano" e refletia o fascínio pelo que se fazia em Hollywood e pelo país. Alguns anos depois, com a esposa Elsa, partiu para a meca, como correspondente da revista O Cruzeiro. Em Los Angeles conviveu com atores, diretores, donos de estúdio, beldades. E também com o poeta Vinicius de Moraes, cinéfilo e intelectual, e também crítico de cinema. Acontece que, morando nos EUA, Viany curou-se do fascínio pelo país, e, em certa medida, pelo cinema lá produzido. Aproximou-se de ideias de esquerda e filiou-se ao Partido Comunista Brasileiro. Não é de estranhar que se tenha tornado permeável ao neorrealismo, movimento progressista nascido no pós-guerra italiano. Entre outros pressupostos dessa escola, adotou o o principal - o povo é o verdadeiro herói das histórias e, por consequência, da História com agá maiúsculo. É o que aparece em seus filmes. Quanto ao método crítico, Viany propôs uma renovação pelo diálogo com o italiano Guido Aristarco, também ele de formação comunista.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.