Veteranos do Spoon marcam presença nos trópicos

Festivais costumam ter como alicerces nomes conhecidos. Enquanto um dos maiores deles, o Offspring, estiver tocando no palco principal do Planeta Terra, o indie stage será preenchido pelos desconhecidos Spoon. Apesar de seis álbuns lançados e 14 anos de carreira, a banda do loiro vocalista Britt Daniel nunca estourou por aqui. Nos EUA, músicas do grupo podem ser escutadas em seriados como Bones e Simpsons. "Não nos deixamos levar por gêneros. Temos a possibilidade de fazer o tipo de música que gostamos", fala Daniel. No início, a imprensa comparava sua sonoridade com Pixies e Wire. Hoje, o Spoon é apenas alternative rock. "Escuto de tudo. Adoro Kinks, Clash, LCD Soundsystem, Stevie Wonder." Sobre tocar em um festival em que poucos conhecem suas músicas, Daniel brinca: "Talvez você me ajude a escolher o repertório. Mas devemos tocar músicas dos nossos dois últimos álbuns e The Way We Get By, canção que fez sucesso nos Estados Unidos, mas que não tocamos há algum tempo."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.