Great Exhibitions/Divulgaçao
Great Exhibitions/Divulgaçao

Veja como será a exposição de Leonardo da Vinci, que abre novo espaço do MIS

'Da Vinci - O Gênio', experiência imersiva multissensorial, faz homenagem aos 500 anos de morte do artista e inventor italiano

Redação, O Estado de S.Paulo

25 de julho de 2019 | 11h51

A exposição Da Vinci - O Gênio, mostra que mais abrange a obra de Leonardo da Vinci, em homenagem aos 500 anos de morte do artista e inventor, chega a São Paulo em outubro. A exibição será a primeira do novo espaço gerido pelo Museu de Imagem e Som, o chamado MIS Imersão, localizado na Água Branca.

Organizada pela Great Exhibitions, em parceria com o Museu Leonardo da Vinci (Itália) e Pascal Cotte da Lumiere Technology (França), a exposição, atualmente em exibição no Canadá e Estados Unidos, promete uma “experiência imersiva multissensorial”. 

Com duração de 45 minutos e módulos representado réplicas de obras renascentistas de Da Vinci, esboços e invenções, “Da Vinci - O Gênio” também apresenta um animação em tamanho real do quadro A Última Ceia e uma réplica da Mona Lisa

A partir dos esboços encontrados nos cadernos de Leonardo da Vinci, artesãos italianos criaram réplicas fiéis das invenções e máquinas de autoria do pintor, que também serão expostas no MIS Imersão. Entre elas, estão os primeiros modelos de helicóptero, bicicleta, pára-quedas e submarino. 

De acordo com a Great Exhibitions, produtora da mostra, são expostas mais de 200 réplicas, 75 invenções de máquinas interativas e em grande escala e 17 áreas temáticas. A exposição já passou por países como Argentina, Chile, Estados Unidos, Japão, Canadá, Espanha e África do Sul.

O preço dos ingressos e a data oficial da inauguração ainda não foram divulgados. Os recursos para a exposição serão captados via Lei Rouanet e ProAC ICM.

Exposições pelo mundo

Para celebrar a obra de Leonardo da Vinci nos 500 anos de morte do pintor, diversos museus abrigarão mostras e exposições em sua homenagem. A maior delas, que será montada no Museu do Louvre, em Paris - onde está exposto o quadro mais famoso do artista, a Mona Lisa -, tem estreia marcada para o dia 24 de outubro.

No Reino Unido, o Royal Collection Trust irá exibir, em diversas cidades, a exposição itinerante “Leonardo da Vinci - A Life in Drawing”, com desenhos originais do italiano. 

Quem foi Leonardo da Vinci?

Leonardo da Vinci, nascido em 15 de abril de 1452, em Anchiano, na Itália, é considerado um dos maiores gênios da humanidade, contribuindo não só para o ramo das artes, mas da ciência, anatomia, matemática, engenharia, arquitetura e óptica.

São de da Vinci obras como Mona Lisa e A Última Ceia e os primeiros esboços do que viriam a ser o helicóptero e o pára-quedas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.