Uma edição bilíngue para notas avulsas de Baudelaire

O texto Meu Coração Desnudado, de Charles Baudelaire, teria sido inspirado no Marginalia, de Edgar Allan Poe, segundo o qual o homem que sonha revolucionar o pensamento humano teria de escrever um livro breve, cujo título contivesse palavras simples - sugeriu My Heart Laid Bare - e fosse fiel a seu conteúdo. Este Meu Coração Desnudado, Rojões e Higiene, traduzido por Tomaz Tadeu, traz uma série de notas escritas por Baudelaire em papéis avulsos. A maior parte delas foi entregue na década de 1870 a Charles Asselineau, que então preparava uma biografia do poeta francês - e ele se encarregou de passar os textos para August Poulet-Malassis, editor de Baudelaire. Esta edição é bilíngue.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.