Um butler para Lily

Um casal, morador no edifício Campos Elíseos, nos Jardins, contratou há seis anos um casal de jovens empregados , copeiro e arrumadeira. Investiram nos dois com cursos de etiqueta, arte de servir, pâtisserie, enologia e afins. Na semana passada foram surpreendidos com os agradecimentos e o pedido de demissão. Foram contratados para trabalhar em Londres, com salários dignos de executivos no Brasil, para servirem, ele como mordomo pessoal e ela como camareira exclusiva do closet de Lily Safra, em sua mansão londrina. Eles também vão acompanhá-la em todas as suas viagens pelo mundo com a tarefa de chegar antes ao destino para preparar o local para suas temporadas. Os antigos patrões , brincando, perguntaram se iriam de classe econômica ou executiva. Ontem veio a resposta : preocupada com o caos aéreo no país, Lily está mandando seu jato particular para buscá-los...

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.