Um ator cuja trajetória é feita de luzes e de sombras

A vida bem-sucedida como ator não impediu que Marlon Brando caísse em abismos e fosse autodestrutivo - é isso o que mostra Somebody, The Reckless Life e Remarkable Career of Marlon Brando, de Stefan Kanfer. Nascido em Nebraska (EUA), Marlon Brando (1924-2004) não foi profundamente afetado pela Grande Depressão, mas pela violência do pai e o alcoolismo da mãe. Nos anos 40 fugiu para Nova York. Sua estreia na Broadway, aos 23 anos, o tornou instantaneamente um astro. Descoberto por Hollywood, promoveu mudanças no perfil dos personagens do cinema: um homem forte e sensual que, apesar das aparências, não conseguia esconder a sua vulnerabilidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.