Trecho - Esta história

De todo modo, agora seus olhos estavam fechados, e ele ali, apoiado na cerca de arame farpado, com o tiro do abruzzense que lhe transpassara a cabeça, de um lado ao outro, cirúrgico. Cabiria pensou em todas as sanfonas que não mais tocariam em suas mãos, e pensou que realmente era uma pena. E depois em todas as pessoas que não dançariam, e nas lágrimas que não cairiam, e nos pés que não marcariam o ritmo no chão. Não se tem idéia de quantas coisas morrem quando morre uma criatura. Mesmo que seja apenas um cão. Mas, claro, sobretudo um homem. Ultimo, por sua vez, apanhou sua lasca de espelho, que guardava enrolada num trapo, espetou-a, como sabia fazer, na ponta do mosquete, e depois a ergueu acima do perfil do aterro, para ver dentro da terra de ninguém, sem pôr a cabeça a prêmio, e na terra de ninguém o corpo do pequeno, e no corpo do pequeno a cara. Não devia ter feito aquilo, devia ter apenas esquecido, mas o fato era que o corpo estava bem ali.

Entrevista com

O Estadao de S.Paulo

13 Outubro 2007 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.