Toby Melville/Reuters
Toby Melville/Reuters

'The Splash', de David Hockney, é vendido por 23 milhões de libras em leilão

A obra de 1966 é um pintura quadrada em tinta acrílica mostrando o momento em que a água espirra para cima após um mergulho de um banhista

Redação, Reuters

12 de fevereiro de 2020 | 09h13

O quadro The Splash, do artista britânico David Hockney, que retrata uma piscina de Los Angeles, levantou 23,1 milhões de libras em um leilão em Londres nesta terça-feira, 11, informou a casa de leilões Sotheby’s, comparando o valor à estimativa de 20 a 30 milhões de libras. 

A obra de 1966 é um pintura quadrada em tinta acrílica mostrando o momento em que a água espirra para cima após um mergulho de um banhista. 

O artista de 82 anos a produziu enquanto morava em Los Angeles, onde seu longo interesse em pintar piscinas começou. 

A composição de The Splash, que inclui um trampolim angular, foi inspirada por uma fotografia que Hockney viu em uma revista de Hollywood sobre como construir piscinas. 

“Eu amei a ideia de pintar essa coisa que dura dois segundos; me levou duas semanas para pintar esse evento que dura dois segundos”, disse o pintor em 1976 em um livro. 

É a segunda de uma série de três pinturas sobre mergulhos. A Little Splash está em uma coleção particular e A Bigger Splash está na galeria Tate Britain, em Londres. 

Da última vez que a pintura foi vendida em um leilão, ela foi arrematada por 2,9 milhões de libras. 

Tudo o que sabemos sobre:
David Hockneyleilãopinturapiscina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.