Quiroga, e-mail: astro@o-quiroga.com, O Estadao de S.Paulo

19 de novembro de 2008 | 00h00

Data estelar: Júpiter e Saturno em trígono; a Lua atinge a fase quarto minguante no signo de Leão.Enquanto isso, aqui na Terra nossa humanidade se encontra numa posição de culpa ativa porque rompeu uma lei cósmica, a da distribuição graciosa da Vida. O Universo inteiro é uma colossal rede de distribuição de Luz e Vida, mas quando chega à nossa humanidade esta rede é interrompida, porque nós exploramos tudo, mas nada ou muito pouco damos em troca. Recebemos impressões e ensinamentos através de todos os que foram enviados em nome do Altíssimo, mas não colocamos em prática o que sabemos. A tarefa atual e urgente é a restauração dessa rede de distribuição, fazendo cessar toda e qualquer interferência que perturbe o livre fluxo de Vida e Luz. A tarefa é titânica, mas nada que nossa humanidade seja incapaz de empreender.ÁRIES 21-3 a 20-4Agora é o momento de sentir a tensão e de tomar atitudes à altura dos acontecimentos. Por isso, deixe para depois a necessidade de fugir da situação através da louca procura de prazer e sedução. Há um tempo certo para tudo.TOURO 21-4 a 20-5Com certeza, você deve levar em conta que o mundo não é receptivo às mudanças e inovações e, por isso, será necessário contar com uma boa dose de conflito neste momento, em que as mudanças se tornaram inevitáveis.GÊMEOS 21-5 a 20-6Aplique a boa vontade a todos esses afazeres que, de outro modo, se tornariam mais difíceis de superar e resolver. A boa vontade é um grande poder, mas que por ser simples demais as pessoas o desacreditam e não aproveitam.CÂNCER 21-6 a 21-7O que seria da vida sem a força do desejo? Parece impensável desenhar uma perspectiva onde o desejo não exista. Porém, a partir de agora será necessário, também, ir além dos desejos, retomando o domínio sobre sua vida.LEÃO 22-7 a 22-8Ajudar não é garantia de sua alma ser reconhecida positivamente por causa disso. Às vezes acontece que as pessoas querem ser ajudadas, mas depois sentem que perderam sua independência e, por isso, se voltam contra quem as ajudou.VIRGEM 23-8 a 22-9Nem todo dia é importante, há momentos da vida que podem ser encarados com a maior leveza possível, porque não ocorrem situações das quais se poderia esperar resultados importantes. Aproveite a leveza, porque é rara.LIBRA 23-9 a 22-10Até aqui, o conceito de diversão foi vinculado à dissipação de energia e vitalidade. A partir de agora, sua alma fará bem em pensar o divertimento como a oportunidade de aproximar-se de pessoas cuja conversa seja enriquecedora.ESCORPIÃO 23-10 a 21-11Aquelas pessoas que fazem exigências e criticam a atuação alheia são as que têm maior dificuldade para aceitar o espírito da época atual. Em vez de atrever-se a inovar, elas vão ficando a cada dia mais e mais resmungonas.SAGITÁRIO 22-11 a 21-12Neste momento, seu espírito de aventura se encontra confinado por causa dos afazeres e compromissos. Porém, como sua alma se alimenta desse espírito, tal condição não poderia durar para sempre. Por isso, ânimo!CAPRICÓRNIO 22-12 a 20-1Conhecer de verdade as pessoas não significa que você deva decepcionar-se com elas ao perceber suas falhas e mentiras. Há pessoas que podem surpreender, sendo melhores do que se esperava. Isso é raro, mas também acontece.AQUÁRIO 21-1 a 19-2Em vez de justificar seus atos com argumentos convincentes, diga que você fez o que fez porque tinha vontade de fazê-lo. Esse é o único argumento irrefutável, porque não se pode contrariar a vontade de nenhum ser humano.PEIXES 20-2 a 20-3A instabilidade do mundo, apesar de incômoda, deve ser celebrada, porque promove uma visão mais ampla e realista do futuro. O incômodo deve-se a que tudo é desconhecido, mas a celebração baseia-se em que do desconhecido surge a luz.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.