Submundo povoado por gângsteres sentimentais

O Grande GolpeDashiell HammettL&PM494 págs., R$ 26 Editor da revista Black Mask e detetive da agência Pinkerton, o norte-americano Dashiell Hammet (1894- 1961) é, com Raymond Chandler, um dos criadores do gênero noir. Sua obra, pela qual circula Sam Spade, protagonista do clássico O Falcão Maltês, é ambientada na Grande Depressão americana. Ele criou um submundo povoado por gângsteres, prostitutas e caras durões que, no fundo, eram sentimentais. Coletânea de contos de Hammet traduzida por Cássia Zanon, O Grande Golpe (The Big Knockover) coloca em cena um detetive anônimo, que narra os casos em primeira pessoa, e sua agência, a Continental. O prefácio é da escritora Lillian Hellman, mulher de Hammett por 30 anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.