Satisfação para uns, frustração de outros

Esculturas na Luz cumprem promessa, mas balé cancelado decepciona público

Beth Néspoli, O Estadao de S.Paulo

04 de maio de 2009 | 00h00

Como era de se esperar num evento da envergadura da Virada Cultural alguns saíram satisfeitos, outros frustrados. "Só um gigante para soprar tantas velas!", diz uma criança diante das esculturas de fogo no Jardim da Luz, da Cia. Carabosse. Sem dúvida, essa instalação monumental alcançou o encantamento prometido. O grupo fez crescer ainda mais o natural poder hipnótico da chama ao criar geometrias com vasos em atraentes formas, sem falar dos frutos pendurados nas árvores e camisetas brancas iluminadas em efeito fantasmagórico. Eram 23 horas e centenas de pessoas circulavam ou, sentadas na grama, simplesmente olhavam, imóveis. "Foi uma das atrações mais divulgadas e a gente não conseguiu ver", protestou Gisele Oda, que levou seus filhos Mila, de 7 anos, e Guido, de 4, à Praça do Correio ontem, às 10 horas da manhã, para assistir a Transports Exceptionnels, da companhia francesa Beau Geste, que prometia um duo de dança entre uma escavadeira e um bailarino. Horário e locais desencontrados foram obstáculos para ver esse espetáculo.Oficialmente, divulgou-se que seriam quatro apresentações entre sábado e domingo (19h20; 0h30; 9h50 e 16h35) no Viaduto do Chá. Nova informação e o local foi alterado para a Praça do Correio, nos mesmos horários. Porém, quem esteve lá ontem de manhã saiu frustrado, como o fotógrafo Roberto Mello e Marilda Imbrunito, moradores do bairro do Jabaquara. "Imaginei que daria belas imagens", diz Mello. Na Praça do Correio eles só encontraram a escavadeira, em repouso, e nenhuma explicação sobre o motivo de não haver a apresentação. "Foi cancelada", dizia um segurança que aparentemente tomava conta do equipamento. "A próxima será às 16 h."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.